quinta-feira, 9 de junho de 2011

O frio que aquece


Tarde de outono no Morro das Pedras-Florianópolis. Foto: Camila Valerim


Frio no sul.
Delicioso frio do sul.
Ar gélido que acalenta, conforta, seduz.
 E sim, aquece!
Ar gélido que percorre a espinha.
Causando arrepios intensos.
Vento sul que bate no rosto.
Fazendo sorrir.
Fazendo pensamentos voarem pra longe.
Imaginação correndo solta,
Coração bombeando sangue cada vez mais rápido,
Disseminando sentimento a cada célula do corpo.
Fazendo cada centímetro dele
Ter ciência
Do que se passa na cabeça...
 E conhecendo, ele transpira.
Ignorando solenemente a baixa temperatura,
Transpira!
Emoção escorre pelos poros...
E pelos olhos.


4 comentários:

Eraldo Paulino disse...

O frio aquece sim, sobretudo quando esquenta, se é que me entende ;)

Bjs!

Mirella de Oliveira disse...

Entendo, Eraldo. E é disso que eu falo!
hahaha
;)

Michele P. disse...

"Emoção escorre pelos poros... E pelos olhos."

Que lindo! Poeticamente maravilhoso!

Mirella de Oliveira disse...

Obrigada, minha amiga!
:)