quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Tristeza verdadeira? Ou felicidade falsa?


A verdade dói. E como dói!
E a mentira? Dói... E destrói!
A verdade machuca, sangra, agoniza... Mas um dia, cicatriza...
E quanto à dor? Não sobra nada.
A mentira é ferida que nunca sara. Aberta e inflamada.
A mentira às vezes alegra. A verdade às vezes faz sofrer.
Mas quem quer felicidade falsa? Quem prefere não ver?
Prefiro tristeza verdadeira. Quero dor sincera. Lancinante e plena. Intensa, mas factual.
Nunca, nunca pense em me esconder a verdade, por medo de me fazer mal... Prefiro a verdade que me faça mal, porque a mentira... Pra mim, essa é fatal!



P.S: Você pode ter feito a merda que for... Mentir sobre ela, pra mim, é pior do que qualquer coisa que você tenha feito! É isso o que ensino aos meus filhos. Posso perdoar tudo. TU-DO! Mas raramente perdoo mentiras!



10 comentários:

Maela disse...

Sempre a balança verdade/mentira....

Sempre gera dor, dúvida e desamor.

Mirella de Oliveira disse...

Sim, Maela. Sempre gera. E se é pra causar dor... Que ao menos ela seja verdadeira, não é? Sempre a verdade. Sempre! :)

Vanessa disse...

Por mais que me doa, ainda prefiro a verdade. Pior que a mentira dita pra abrandar alguma coisa que de certo magoaria é a perda da confiança na pessoa.

Michele P. disse...

"Não quero lembrar
Que eu erro também
Um dia pretendo
Tentar descobrir
Porque é mais forte
Quem sabe mentir
Não quero lembrar
Que eu minto também..."

Daniel disse...

"O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente."

Pessoa sempre ele

Luna Sanchez disse...

Mi,

Às vezes a mentira parece (e pode até ser) a melhor saída, a que vai doer menos na hora, a que melhor pode contornar a situação. O caso é que uma mentira puxa outra e aí ficamos enredados, escravos.

Tem que ser forte pra suportar a verdade e não cair na tentação...tem que ser.

Beijo, beijo.

Eraldo Paulino disse...

Acho que verdade e mentira é uma questão de fé, a dor não.

Bjs!

Mirella de Oliveira disse...

Vanessa, concordo MUITO com você! ;)

Mi, é uma música? Ok, esse último trecho aí doeu: "não quero lembrar que eu minto também..." Não vou MENTIR que não minto. Mas não gosto e evito. Evito ao máximo! Beijoca! :)

Dan, ainda bem que pra poetisa, ainda preciso melhorar muito! hahahaha Beijão, lindo!

Luna, não é fácil ser verdadeiro, mesmo!

Eraldo, eu concordo!

Anônimo disse...

A verdade! A verdade, por favor!! Apenas a verdade!! :)

Mirella, obrigada pelo texto. Adoro ler o que você escreve! Você sabe... ^^

Beijo!
Duda

Mirella de Oliveira disse...

Duda, only the truth! hehe E eu te agradeço muito por ser tão querida e por gostar dessas linhas mal escritas! :) Beijão