segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Arquivo morto


Tenho tara nos teus detalhes. 

Salivo com o gosto que imagino em minha boca. 

Gosto do percurso que meus dedos traçam ao contornar os teus lábios. 

Desejo a forma dos teus dedos. 

Anseio pelo foco dos teus olhos nos meus.

 Devaneio e me lambuzo em teu mel.

 É você, que não passará de um projeto no papel.

Nenhum comentário: